Livro: Bruxos e Bruxas - James Patterson & Gabrielle Charbonnet

segunda-feira, fevereiro 20, 2017


É como entrar em um pesadelo. Do nada, você é retirado de sua casa, preso, e acusado de bruxaria. Parece século 17, mas é o governo da Nova Ordem, e está acontecendo agora! Sob a ideologia da Nova Ordem, O Único Que É O Único mantém seu poder à força, sem música, nem internet, nem livros, arte ou beleza. E ter menos de 18 anos já é motivo suficiente para que você seja suspeito de conspiração. Os irmãos Allgood estão encarcerados nesse pesadelo e, para escapar desse mundo de opressão e medo, terão que contar um com o outro e aprender a usar a magia. Do autor best-seller James Patterson, Bruxos e Bruxas é uma saga para se ler... antes que seja tarde.
Em uma noite normal, a casa da família Allgood está sendo monitorada. Um helicóptero sobrevoa em círculos e uma forte luz invade a casa, o que faz Wisty e Whith acordarem quase simultaneamente. Só podia ser um engano, a família não tinha cometido nenhum crime para serem tratados como criminosos e perigosos. Antes que esse pensamento se finalizasse, a polícia da Nova Ordem entra na casa e acusa os irmãos de bruxaria.

Nunca imaginariam que o governo do Único chegaria tão longe, não bastava acabar com a liberdade de expressão ou qualquer arte e conhecimento? Não bastava ter queimado livros, quadros, CDs e discos? Agora tudo tinha que ser autorizado pelo Único Que É O Único, um título que deixa bem claro o egocentrismo do novo governante da cidade. 

Quem fosse contra seus procedimentos era preso e até morto, sua crueldade era enorme e suas principais vítimas eram crianças e adolescentes. Só podia ser brincadeira. Mesmo com aqueles acontecimentos estranhos na hora da invasão, ninguém fica invisível, nem entra em combustão sozinho ou cria um furacão... Só pode ter sido algum fenômeno natural somado ao nervosismo ou a ciência tentando os convencer, da acusação de serem bruxo e bruxa.

Mesmo depois de presos não conseguiam acreditar que foram transferidos para uma espécie de hospício anti-magia. Mas os acontecimentos lá, seriam capazes de convencer até o mais cético de que a magia era real e Wisty e Whit eram bruxos e não eram os únicos. Junto com grande poderes vieram grandes responsabilidades. Entenderam que sua missão era acabar com o Único e com o terror que ele havia mascarado e causado na cidade. Eles tinham como dever salvar os outros jovens e crianças que foram vítimas desse sistema opressor antes que acabassem mortos como Célia, a namorada desaparecida de Whit que os visita e ajuda como uma espécie de espírito. Eles precisavam ser fortes, mais do que já imaginaram ser um dia.

"Ele nos olhou com tanto desdém, sabe, como se estivéssemos tão abaixo do nível dele. E então ele simplesmente girou o pulso. Só isso. Um girar de pulso. Não sobrou mais nada de nós, a não ser fumaça...E o cheiro de pele queimando. Ele tinha...Não sei...Vaporizado todo mundo. Então, ele desapareceu. E eu ainda estava lá."

Passaram por torturas, e os momentos bons tinham se tornado raros. Dividiam o tempo entre salvar prisioneiros, fugir das perseguições e encontrar os pais que estavam desaparecidos. Sua jornada só estava começando e a morte podia estar esperando em cada esquina.

"Fala sério, O Único Que É O Único irradia energia ruim como se fosse uma estação elétrica do mal....O que me assusta mesmo é que eu posso sentir que ele tem magia. E muita. Um troço bem sério."

James Patterson criou uma incrível saga junto com Gabrielle Charbonnet. Escreveram esse livro que sabe provocar o nosso ódio só de ouvir "O Único Que É O Único" e nos deixar com sede de justiça. Me lembro de ter lido na escola muitos livros em que uma fábula contava a história real para que se entendesse o contexto de forma bem simples, como uma parábola. Um desses livros foi A Revolução dos Bichos.

Fizeram algo bem parecido com isso, alertam no começo da história o perigo que corremos de passarmos pela mesma situação de Whit e Wisty, só que sem a magia para ajudar, e essa analogia é bem interessante é fácil de notar. A Nova Ordem era um partido político que acabou dominando a cidade, alienando seus moradores, prendendo e matando quem discordasse e formando soldados. Apenas o senso crítico e ser cuidadoso em relação a quem depositamos confiança para nos governar pode nos salvar.

"Que mundo é este? Onde alguma coisa desse tipo poderia ter acontecido? Essa é a questão. A questão é que realmente aconteceu. Está acontecendo agora conosco. E se você não parar e prestar atenção, seu mundo poderá ser o próximo."

Super recomendo! É uma leitura fácil e que simplesmente flui (acho que de tanta curiosidade para saber o final da saga). Vocês mal podem imaginar o que está por vir.

Autores: James Patterson e Gabrielle Charbonnet (Cate Tiernan)
Título Original: Witch and Wizard
Origem: Literatura Americana
Editora: Novo Conceito
Tradução: Ana Paula Corradini
ISBN: 9788581632216
Publicação: 2013
Páginas: 286
Série: Witch & Wizard:
#1: Bruxos e Bruxas
#2: O Dom
#3: O Fogo
#4: O Beijo
#5: The Lost
Versão em Graphic Novel - Versão em Mangá
O Que Tem?: Aventura, Fantasia, Distopia

O Obsession Valley agradece à editora Novo Conceito, por ceder o exemplar para análise.

You Might Also Like

11 COMENTÁRIOS

  1. Oi Nana, tudo bem?
    Adoro distopias e A Revolução dos Bichos é um dos meus livros favoritos, então sua resenha já fez um "click" aqui dentro de mim hahaha!
    E gostei de saber que o livro é curtinho, gosto de leituras dinâmicas enquanto o semestre da faculdade está em curso.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  2. Oiie, li o livro faz um tempo e fiquei muito chocado. Não curti muito, achei a escrita bem pobre e o enredo tedioso. Sério, acho James gigantesco nos livros policiais, mas como escritor de contos juvenis não rola :/

    http://obaucultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu gosto de histórias de bruxas e tudo o que envolve esse mundo!! :)

    http://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá! Confesso que livros assim não fazem muito meu estilo, não compraria se visse em uma livraria sabe? Mas depois da resenha eu super me interessei por esse. Adorei! Bjs

    www.mayaravieira.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oie Victoria =)

    Fico feliz em saber que você curtiu o livro, pois eu ao contrário de você não gostei dele nem um pouco rs... Até tentei dar uma chance a série lendo O Dom, mas infelizmente a história não funcionou tão bem comigo como para você =D

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  6. Oi Nana! Puxa, já faz bastante tempo que estou de olho nesse livro, mas acho que nunca tinha lido uma resenha sobre ele! Muito obrigada por ter me lembrado, vou tentar conferir de fato dessa vez!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  7. Oi, Vic!

    Faz muito tempo que estou de olho neste livro por causa da capa (amo) hahaha, mas não sabia o que pensar dele. Acabei de adicioná-lo novamente à minha lista, pois o havia retirado!

    Beijão,
    NATÁLIA | Obcecada Pelos Livros

    ResponderExcluir
  8. Ainda não conhecia esse livro, mas caramba, a sua resenha despertou uma vontade muito grande em mim de ler! Parece ser muito bom!
    Um beijão,
    Gabs do likegabs.blogspot.com ❣

    ResponderExcluir
  9. Oi, Nana.
    Apesar da sua resenha positiva não é um livro que me despertou interesse.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
  10. Oiê!
    Gosto muito do James Patterson, mas nunca tinha me interessado por esse livro porque achei que passava na Idade Média e época da caça às bruxas.
    Não imaginei que seria uma distopia!
    E das boas, pelo jeito.
    Quero ler! Você me instigou, hehe.

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, Nana, Victoria.
    Puxa, James Patterson é um autor que preciso conhecer.
    Tenho um livro dele aqui e ainda não li.
    Esse livro em particular me interessou muito por ser uma distopia meio diferente dessas que surgiram aos montes ultimamente.
    Gostei bastante da temática e da resenha.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir

Olá sejam bem vindos e deixem suas opiniões, com respeito, aqui.

Algumas observações:
- Comentários que não tenham relação com a postagem, serão removidos e não serão respondidos.
- Divulgações, exceto de autores, são removidas e não são respondidas.
- Comentários irrelevantes como: 'ah adorei a postagem', 'adorei a coluna', 'que legal o post' e outros no mesmo nível, são mantidos mas não são respondidos. Até porque, o que iríamos responder, né?

Popular Posts

HELP

Stats

Desde Fevereiro/2011
Nome: Canto Cultzíneo antigo Obsession Valley
Host: Blogger.com


Subscribe