Livro: Mentiras Incendiárias - Jennifer Lynn Alvarez

UM PACTO DE SILÊNCIO... E A RELAÇÃO ENTRE AMIGOS É POSTA À PROVA. Todos os anos as montanhas da Califórnia sofrem com uma temporada de incêndios. Ninguém leva isso mais a sério do que Hannah, a filha do xerife. Até este verão... Quando ela e seus melhores amigos provocam um incêndio de forma acidental, o instinto os leva a fugir, mentir para a polícia e para os investigadores. Mas o que era um pequeno fogo toma proporções gigantescas, devorando tudo o que encontra pelo caminho: casas, animais, pessoas. É nesse momento que as relações de amizade se estremecem e cada um vai revelando faces de suas personalidades até então desconhecidas. O QUE ALGUMAS PESSOAS SÃO CAPAZES DE FAZER DIANTE DO MEDO, DO DESESPERO OU POR INSTINTO DE SOBREVIVÊNCIA?
Até onde você iria para proteger seus melhores amigos?

Era para ser uma daquelas férias de verão inesquecíveis. Hannah Warner e seus amigos estão encerrando um ciclo, nada mais justo do que aproveitar a reunião de todos os cinco em Gap Mountain antes de alguns deles iniciarem a vida universitária. A reunião se dá no lago, onde recordam momentos preciosos do grupo - que nomearam Monstros. Amigos desde a infância, Hannah, Mo, Drummer, Luke e a herdeira Violet são conhecidos pela bela aliança entre os moradores da cidade. Era um dia de celebração e despedidas, mas que saiu do controle.

Os cincos discutiam, testemunhados por uma intacta floresta, quando uma chama fora despertada entre os pinheiros. De início eles acreditaram que lidariam bem com a situação, mas logo a faísca se alastra e inicia as piores horas - e dias - na vida dos cinco Monstros. O fogo toma conta da cidade; todos estão em pânico e temem por suas vidas. Após horas e mais horas de trabalho das autoridades locais, as notícias fúnebres batem às suas portas: perda de conhecidos, perdas heroicas durante o combate ao incêndio, de casas, de parte da floresta - praticamente aniquilando suas lembranças.

Hannah é a filha do xerife local. Ela é obcecada pela área criminal e deseja seguir uma carreira similar a do pai. A garota sabe que se descobrirem que a filha do xerife estava na cena do crime, do incêndio, toda carreira e reputação dele irá afundar. Então ela decide se proteger, ao pai e aos amigos. Embora não seja da maneira que o leitor imagina. Afinal, Hannah é uma narradora não confiável. Ela ~provavelmente~ cometeu um crime, lembra?

A primeira parte da narrativa foca na investigação e nas inúmeras 'tentativas' de Hannah em afastar as suspeitas do grupo de amigos. Grande destaque fica para Drummer e Violet. O garoto é o eterno crush de Hannah - com prioridade e endeusamento da parte dela. Violet é a deslocada, pois só pisa em Gap Mountain em períodos específicos para passar as férias com a avó, já que a vida de herdeira lhe permite o belíssimo conforto em lugares badalados. Conforme crescia, Hannah passou a enxergar Violet com menos admiração. Luke até se destaca por seu lado rebelde e sincero. Mo tem uma grande cena próximo a conclusão - que bati palmas, a pessoa merecia e muito -, mas é daquelas coadjuvantes que precisa de uma próxima cena para o leitor lembrar que ela está no enredo.

E a segunda parte é a que prova que o elo entre os Monstros não é tão forte quanto eles acreditam. Um deles é a parte frágil, a parte que não consegue conviver com todo peso e culpa pelas vidas perdidas no incêndio. A parte que deseja justiça e se dispõe a quebrar uma promessa. A parte que desaparece, deixando inúmeros rastros e levando até o FBI àquela pequena cidade.

"O que há em mim que é tão impossível de ser amada?"

Esse é daqueles mistérios que não dá pra esticar muito na análise, pois a narração é construída por um dos personagens. Então pensem na quantidade de informações que seriam melhores ocultas para se surpreender. Eu fiquei surpresa de cara, com a escolha da autora em destacar os incêndios que costumam tomar conta da Califórnia e arredores. Então é de se esperar críticas e alertas nas entrelinhas. Ela mencionou nos agradecimentos que é sobrevivente de um deles! Somando com a conclusão sem mundinho cor-de-rosa, quebra e muito a mesmice do gênero. E sei o quê vocês querem dizer. Podem falar: adolescentes burros! Pelo menos a gente aprende que o último lugar pra arrumar uma briga deve ser no meio de uma floresta.

A autora Jennifer Lynn Alvarez surpreende com a quebra da ideia inicial próximo a conclusão: era sobre o incêndio, mas agora é sobre o desaparecimento. Foi inteligente e explora mais da personalidade de Hannah e os outros possíveis suspeitos do desaparecimento, além de não cansar a leitura antes do fim. O livro inicia bem, com momentos de apreensão entre os Monstros e toda intriga para manter o segredo. É de ficar em nervos ao ler cada ponto que o incêndio atinge e as coisas perdidas. Bem real e vale de alerta.

A protagonista Hannah não é tão simpática, falta certo carisma, mas consegue instigar em sua narrativa. Lembro de uma leitura passada que detestei o protagonista-narrador e quis abandonar. Por aqui a tentativa dela em soar bobinha, com alguns personagens, me deixou desconfiada. Hannah é aquela que se acha a líder do grupo e prioriza as regras que eles criaram trocentos anos atrás, enquanto alguns deles dão risadas. A filha do xerife, que não diz com palavras - mas com ações - que preza ser respeitada e ouvida tanto quanto ele. Além do fato de ser territorial - talvez seja por isso que os ursos estão sempre invadindo sua propriedade. Ha! Toda posuda tem seu ponto fraco, e o dela é um crush de anos. É impossível não sentir certa vergonha alheia pelas coisas que ela faz pelo Drummer.

"Ainda posso acabar na prisão neste outono, em vez de na faculdade."

O grupo dos Monstros é o grande destaque neste mistério e não sobra tanto espaço para outros coadjuvantes. Talvez o pai de Hannah, que se destaca pelos confrontos que tem com a filha, sobretudo em relação ao passado da mãe. Aliás, até a doguinha dela tem certa atenção - bem mais que os pais do Drummer. Ha! Os familiares dos outros Monstros são mais presentes; adorei a avó da Violet e seus poodles. O que chama atenção mesmo, além dos personagens centrais, é o cenário florestal e a vida selvagem. Hannah mora numa espécie de rancho, que a toda hora é invadido por guaxinins e ursos. E nada aqui é mencionado à toa.

E é um livro adolescente, né? Além do mistério, o leitor acompanhará aquela típica disputa por atenção de um amor, levando a um possível triângulo amoroso e sentimentos tóxicos reprimidos. Nem todos tem suas famílias perfeitas, um deles mantém um relacionamento difícil com a mãe e precisa cuidar do irmão caçula. Eles estão próximos da vida universitária, então é interessante acompanhá-los com seus bicos. Hannah trabalha numa locadora de filmes, por exemplo.

Mentiras Incendiárias talvez seja sobre um grupo de amigos que jamais deveriam ter se conhecido? Será? Mas é simplesmente daqueles testes que nenhum deles pediu. Os bons fãs do gênero não podem deixar de conhecer esta trama mais consciente, apesar do ar sombrio. O mistério em torno do desaparecimento consegue firmar dois suspeitos - pelo menos até a página da revelação eu tinha dois cravados na mente e foi um deles. A conclusão pode não agradar a todos, mas leve em consideração o ponto real.

"Nossas lealdades mudarão com o tempo. Talvez elas já tenham mudado. Os dias dos monstros estão quase no fim, e é uma pena que tenhamos que acabar assim: em chamas."

Edição está pegando fogo. Ha! A diagramação dominada por chamas, com a narrativa dividida em duas partes: A Mentira e O Desaparecimento. Não há erros tão nítidos e a leitura flui bem, com uma fonte confortável e capítulos não tão longos. Pelo início dos capítulos também nota-se a organização, com a contagem de dias do incêndio e do desaparecimento e, também, número de vítimas. A capa entrega uma ideia de que a ficção está além de um conteúdo jovem adulto. Dá destaque ao nome da autora com relevo.

Autora: Jennifer Lynn Alvarez
Título Original: Lies Like Wildfire
Origem: Literatura Norte-Americana
Recomendação do Canto: +16 anos
Editora: Faro Editorial
Tradução: Sarah Bento Pereira
ISBN: 9786559570980
Publicação: 2022
Páginas: 320
Série: Não
O Que Tem? Amizade, Incêndio, Desaparecimento, Ursos, Cavalos, Guaxinins, Vovó Ricaça, Lago, Monstros, Suspense, Thriller Psicológico, Young Adult

LinksSkoob Compre Físico - No Site da Editora - Site da Autora
O Canto Cultzíneo agradece à Faro Editorial por ceder o exemplar para análise

6 COMENTÁRIOS

  1. Gosto dessa investigação que existe na narrativa, instiga a pessoa. Gostei da indicação!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oii. Eu lembro de ter visto um post sobre esse livro no instagram um tempinho atrás e fiquei bem curiosa com a premissa dele, me pareceu muito instigante. Lendo sua resenha fiquei ainda mais curiosa com a questão do desaparecimento também.
    É complicado quando a protagonista não tem carisma, ainda bem que ela compensou na narrativa porque senão deixa a leitura bem parada.
    Adorei a resenha, bem completa.

    Beijos,
    Dear Masen

    ResponderExcluir
  3. Olá, Nana.
    Eu amei esse livro. Que desespero de ver a proporção que o incêndio ia tomando e a cena da cachorra eu chorei hehe. E eu gostei do final, porque se pensar quantas vezes não acontece isso na vida real?

    Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Amei a resenha. Eu amo essas narrações duvidosas que deixam o livro mais interessante. Já quero ler pelo mistério e para saber o que acontece.
    Beijos
    www.dearlytay.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Nana,
    Não conhecia o livro, mas fiquei muito interessada depois de ler sua resenha. Acho que faz tempo que não leio nada com adolescentes em destaque, cansei um pouco dos dramas da idades, mas esse mistério instigou minha curiosidade!

    Até mais;
    Mente Hipercriativa | Universo Invisível

    ResponderExcluir
  6. Uau, achei muito interessante o fato da autora ter vivenciado um desses incêndios da Califórnia. Achei muito interessante a história, especialmente porque esse ano quero me aventurar mais no gênero e não conhecia ainda esse livro!
     Os Delírios Literários de Lex

    ResponderExcluir

Olá, sejam bem vindxs :D
Algumas observações
- Os comentários são moderados, conteúdo odioso ou preconceituoso não será aprovado;
- Comentários que não tenham relação com a postagem e estilo propaganda serão enviados para o spam
- Comentários que desprezam o texto da postagem não serão respondidos